Pequenas histórias III

Hoje estou deveras em determinado período do passado…
O que me conforta dos sentimentos conflitantes que vivi nessa época é que anos depois, já vivida e madura fui testemunha de que a divisão de sentimentos, o conflito entre o que é e o esperado não foi um sentimento só meu, por ser muito nova, etc…Vi e ouvi amigas formadas, com independência financeira, experiências sexuais, estabilizadas na vida, passarem pela redemoinho de emoções e conflitos por ocasião do início da vida a dois.
Mas sei que, à época que deixei pai e mãe e fui morar noutra cidade, com um bebê que dependia de mim,(banho, dar mamar, limpar, distrair, fazer dormir,etc…) e com todos os afazeres domésticos, lavar roupa, passar, cozinhar, limpar louça, limpar casa, digo com toda certeza do meu coração: EU NÃO SABIA O QUE ERA AQUELA VIDA! EU NÃO ESTAVA PREPARADA PARA AQUELA REALIDADE, AQUELE PAPEL! Como minha vida mudou tão radicalmente? Aquele era o futuro? Onde estava o amor impetuoso ou romântico dos romances de Machado de Assis, José de Alencar, ou mesmo, das fotonovelas, dos livros Julia, Sabrina e tantos outros que eu havia lido???
Sinceramente eu não sabia e nem sei como atravessei DEZ ANOS da minha vida nesse “limbo”: SER E NÃO SER! Posso apenas afirmar: Deus foi muito presente em minha vida! Como foi!!!

PEQUENAS HISTÓRIAS IV

A proteção divina acontece de variadas formas… a letra de uma canção, uma frase solta que ouvimos, uma cena, uma conversa…Deus está sempre pronto a amar e proteger. Pois Ele é Amor. E foi simples como aconteceu algo que me tirou daquela vida suspensa que eu vivia, onde não me sentia completa, onde eu não me entregava inteira. Uma colega de faculdade comentou comigo, o quanto ela se sentia mortificada ao acordar, às vezes, e encontrar um homem que ela não conhecia, saindo do quarto de sua mãe. A mãe dela era jovem, divorciada, baileira, trabalhava e as sextas feiras saía para se divertir, e independente como era, se permitia levar para seu quarto um namorado ou algo do tipo. Eu ouvi aquilo e fiquei muito impressionada! Era algo dum mundo que eu não conhecera …e constatei que nem queria conhecer! Naquele momento a alma fugidia se aquietou, tomou seu prumo, olhou para seus filhos e decidiu: Meus filhos jamais passarão por isso! Meu consciente me disse: vá assumir completamente o seu papel, moça! Esse é o seu mundo, essa é você.
Hoje ao voltar ao passado, o faço com a tranquilidade de quem, nesta altura da vida, sabe que tudo o que vivi contribuiu para o meu crescimento, e que essas recordações não me faz ter senão um sentimento, o de que vivi, senti, superei e venci a vida , pois tudo o que vivi sempre o fiz com muita intensidade e é com essa mesma intensidade que hoje me sinto em paz, em plenitude! Sou muito grata. Graças a Deus!

Publicado por blogdadivinablog

Me autodenominei Divina, Perfeita e Maravilhosa. Não é por vaidade e sim porque acredito que foi assim que Deus nos criou: à sua imagem e semelhança. Mesmo que humanamente isso pareça impossível, ao expressar minha crença me sinto bem. Busco o melhor sempre. Tenho fases, sou de Libra e isso ajuda a explicar minhas qualidades e meus defeitos. Amo a vida, minha família, meus amigos. Estudei bastante, sempre gostei de ler, li romances, documentários, biografias...mas minha maior bagagem é de vida, pois sou intensa. Amo muito, preocupo-me muito, erro muito, e procuro muito acertar! Vou dividir com vcs um pouco da minha experiência de vida, neste espaço que considero meu "travesseiro virtual" e o convido a compartilhá-lo comigo. Venha?!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: