Pandemia

O período de isolamento social está completando quatro meses já. Quem não terá notado esse período? Haverá quem não o tenha notado? Ouvi muitas vezes a pergunta: Que mudanças ocorrerão no mundo depois dessa pandemia? E também ouvi respostas variadas. Mas a que me parece mais verdadeira é que nada vai mudar. Terá sido umContinuar lendo “Pandemia”

Escrever

Escrever é existir. É resistir. O que mais eu posso fazer neste período negro da humanidade que não seja existir e resistir? Sendo assim escrevo. Sobre o presente escrevo o que a doença Covid-19 causa, qual a reviravolta que o coronavirus deu e está dando no mundo. Sobre o passado tiro cuidadosamente o véu dosContinuar lendo “Escrever”

Heroínas II

Quando me referi a Maria ( Mãe de Jesus) como minha heroína, falei de forma rápida, só fiz uma referência. Agora quero falar de como ela me toca, de como eu a sinto grande, enorme mesmo, em sua fé e entrega. A imagino em casa, camponesa, filha obediente, mocinha bonita, linda mesmo, recatada, vivendo aquelaContinuar lendo “Heroínas II”

Acabou o carnaval…

Vamos encarar o ano de 2019…este ano farei 67 anos. Cronologia abstrata…tudo depende do meu espírito. É ele que determina minha idade. Às vezes tenho 12 anos, outros dias sou uma jovem, a jovem que não fui… a juventude que eu mesma roubei de mim…noutros sonho com o mundo ao qual retornarei na minha crençaContinuar lendo “Acabou o carnaval…”

Imaginação

Existem frases lindas, às vezes dizem tudo, às vezes dizem nada. E eu? Eu “viajo” na imaginação, rsrs “Ela era poema, ele não sabia ler”. Esse me remete à mulheres de alma sensível, e homens toscos. “Tenho fases como a lua, fases de andar escondida, fases de ir para a rua” Que lindo, não é?Continuar lendo “Imaginação”

Doideiras

Doideirinhas bobas. Fazer de conta que não há nada mais importante a fazer do que arrumar as bijuterias, os badulaques. Colocar tarrachas, separam por estilo ou material, experimentar, pois faz anos que estão aí, esperando sair das caixas e ver a vida. Doideiras como mudar os móveis de lugar, só para ver a rotina sobContinuar lendo “Doideiras”