O Peralta

Peralta ( Crônica) Quando ele chegou era daqueles que não escondiam a origem. Nunca nos enganou. Quando falo assim no plural é por força de expressão, porque eu mesma não me envolvia com essa área. Não tinha tempo, nem interesse e nem paciência. Mas não havia como ignorá-lo. Era muito intrometido, andava pela casa todaContinuar lendo “O Peralta”

Publicidade